Em regra geral, encontrar trabalho na Suíça não é fácil e torna-se ainda mais difícil se for estrangeiro. Assim sendo, deixamos aqui vários conselhos para que encontre o mais rapidamente e o mais simplesmente trabalho na Suíça.

Encontrar trabalho na Suíça

Encontrar um trabalho na Suíça pode tornar-se muito complicado quando não se busca corretamente. Na Portugal-Suíça queremos ajudar a comunidade portuguesa na Suíça no seu dia-a-dia e isso passa também pela procura de um emprego. De facto, se seguir estes conselhos, a sua procura será bem mais simples e as suas chances de encontrar um trabalho bem mais elevadas. Aqui ficam então umas dicas :

  • Envie o maior numero de candidaturas possível, respondendo a todos os anúncios que correspondem ao seu perfil
  • Procure de diferentes maneiras : internet, jornais, agências
  • Elabore um curriculum completo
  • Escreva uma carta de apresentação


Procura e candidatura

Para procurar um trabalho não há exigências ou regras particulares. Utilise bem todos os meios à sua disposição e multiplique as candidaturas para aumentar as chances de sucesso. Na Suíça, também é muito commun candidatar-se a um trabalho de maneira espontânea : envie o seu curriculum e uma carta de apresentação às empresas mesmos que estas não tenham nenhum anúncio. Também pode deslocar-se pessoalmente com o seu curriculum e a sua carta de apresentação, diretamente às empresas a pedir trabalho. De facto, não espere que o trabalho venha ter consigo más vá buscá-lo !

Ao contrário da procura, a candidatura a um trabalho na Suíça é muito formalizada : o curriculum e a carta de apresentação são fundamentais. É graças a eles que a sua candidatura poderá ser escolhida ou não.


Curriculum e carta de apresentação

Estes dois documentos são as peças fundamentais da candidatura a um trabalho na Suíça. Dessa forma é muito importante que tenha o maior cuidado no momento de os elaborar. Para o CV, aposte na forma para que ele seja diferente de todos os outros que o empregador receberá. Muitas vezes é a forma que faz com que o seu CV seja lido ou não ! Não se esqueça de pôr uma foto (tipo documento de identidade). No que toca às qualificações, as línguas são muito importantes na Suíça sendo este um país bilíngue. Assim sendo, um candidato que fala bem o francês e o alemão, será beneficiado perante um candidato que apenas fala uma língua. Não hesite em certificar o seu nível linguístico, porque um diploma que atesta do seu nível numa ou outra língua (francês, alemão, inglês) é sempre valorizado.

Para a carta de apresentação, escreva dois parágrafos : um primeiro para dizer quem é e apresentar a sua experiência e um segundo para apresentar as suas motivações em obter o trabalho e o que pode acrescentar na empresa. É óbvio que não pode cometer erros de sintaxe ou de ortografia na sua carta motivacional, por isso controle bem o que escreveu e faça corrigir a sua carta por alguém com um bom domínio da língua.



Saiba mais graças ao "Guia do emigrante" da CréditoPessoal.